ESPALHAFATOS 18 DE SETEMBRO

0
8

Mui amigos

Na polêmica greve relâmpago dos coletores de lixo de Guarulhos, ficou uma pergunta no ar. Se o sindicato determinou que os trabalhadores fizessem a paralisação dos serviços devido exclusivamente a falta de remuneração da Participação nos Lucros e Resultados, por que a empresa Trail jogou sua responsabilidade para a Prefeitura, dizendo que não pagou seus colaboradores pelo fato do Executivo ter atrasado seu pagamento? A PLR não é paga em cima do trabalho já realizado? Comentários nas redes sociais reprovaram a ação dos empresários, já que é muito fácil trabalhar usando o dinheiro dos outros. Pelo porte da Trail, colocar a própria culpa em cima do Executivo, pegou muito mal. Foi um prato cheio para a oposição, que não perde a chance de propagar o quanto pior, melhor!

Quem é esse cara?

Assim que foi divulgada dias atrás a informação de que determinada empresa havia sido recontratada pela Câmara Municipal pelo valor módico de R$ 1,2 milhão/ano, sendo que o respectivo serviço era prestado gratuitamente na gestão do presidente anterior, muitos políticos e empresários locais, não se sabe porque, passaram a procurar insistentemente por um tal de “Baixinho”. Dizem que ele é um antigo conhecido das administrações municipais passadas. Talvez toda essa correria tenha ocorrido para que os “motivos” da recontratação fossem revelados. O tal novo contrato pode ser prorrogado por até 5 anos, o que custaria aos cofres do Legislativo exatos R$ 6 milhões. Aparentemente devem haver muitos “motivos” para justificar a contratação de algo que era gratuito. Dá pra entender?

Bronca pessoal?

O governador Doria encomendou um vídeo muito interessante para divulgar o Estado de São Paulo fora do país. Com imagens de várias cidades e um texto falando das maravilhas paulistas, o material não cita nem ao menos o maior aeroporto internacional da América Latina, que fica em Guarulhos. Falar da cidade então, nem pensar! Essa suposta perseguição do líder tucano aos guarulhenses está dando o que falar. A população não quer saber de politicagem e sim de benefícios e benfeitorias para o município. Antecipar as eleições municipais de 2020, minando a atual administração, não cai no gosto popular. #ficaadica

Destaque

O líder político, Sergio Deboni, funcionário aposentado da Câmara de Guarulhos, foi confirmado pelo presidente estadual do PROS, Roberto Siqueira, como o novo secretário geral da sigla no estado. Com trânsito livre e aval do grupo liderado pela família Martelo, Deboni já está conseguindo reestruturar o partido na cidade nos moldes que imagina. Seus pré-candidatos a vereador deverão dar trabalho aos adversários no ano que vem.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.